quinta-feira, 3 de novembro de 2016

PRECISAMOS FALAR SOBRE O ENEM! E É IMPORTANTE QUE VOCÊS LEIAM

As ocupações no Brasil cresceram de forma muito espontânea em todo o Brasil, os estudantes das mais diversas escolas, cidades e estados do Brasil já não viam outra saída para chamar atenção da população e dos governos para suas pautas e como qualquer outra manifestação, as ocupações têm suas dificuldades e, quando o governo não atende as demandas dos manifestantes, eles sempre precisam encontrar saídas para sanar tais dificuldades.

Um exemplo claro disso foram as eleições desse ano em que os TRE's desdobraram-se para garantir que todos pudessem votar mesmo com as escolas ocupadas.

Mas a pergunta que não quer calar é por que com o ENEM o mesmo não pode ser feito? E a resposta para essa pergunta é objetiva e clara; o governo que não dialoga com ninguém quer colocar os estudantes contra eles mesmos numa tentativa baixa de desmontar um movimento contrário aos desmandos propostos pelo próprio governo!

E não, nós nunca quisemos prejudicar os estudantes em relação ao ENEM como sempre deixamos claro aqui. O governo em momento algum informou, nem pra nós do movimento, nem para os advogados e advogadas que nos acompanham e nem pra mídia quais eram as escolas ocupadas que "inviabilizariam" a prova do Enem para que alguma providência pudesse ser tomada e isso mostra claramente que o objetivo do governo nunca foi solucionar o problema, e sim usá-lo para criminalizar as manifestações dos estudantes.

Não! Também é preciso ficar claro isso, nós não concordamos em momento algum com essa ''alternativa'' do governo de dividir o ENEM em dois, sem grandes informações e desorganizado desse jeito para que no final de semana, sem entender muito essa bagunça que foi a mudança, estudantes percam suas provas.

Sendo assim, o governo pode ir mais uma vez para a mídia falar que a culpa não é dele que não soube organizar a mudança e sim nossa que nos manifestamos. Ou seja, quando o governo não tenta nos ferrar por ele próprio, ele usa aqueles que serão ferrados para vestir seu manto de santo.

Vamos deixar claro aqui, a lista que o governo passou com 66 escolas "ocupadas" no Paraná tem escolas que não estão ocupadas há vários dias e pior do que isso, a lista não tem escolas que ainda estão ocupadas, ou seja, quando os estudantes chegarem ao local irão perceber que, mesmo fora da lista do adiamento, a escola não esta preparada para receber a prova.

Se ainda assim, você ainda acredita que o governo mudou o Enem desse jeito bagunçado para ajudar os estudantes reiteramos essa publicação informando que estamos recebendo diversas mensagens de estudantes que ligaram pro MEC/INEP hoje e o MEC informou que "Não sabe se na devida escola vai ter ENEM ou não".

Mas e agora? Como garantir que não vou perder meu ENEM?
O mais correto era o governo adiar todas as provas para dezembro, garantindo também que todos os estudantes tenham a mesma prova e o mesmo tempo para estudar, mas sabendo que o plano do governo não é ajudar e sim dificultar a prova orientamos:

TODOS/AS OS ESTUDANTES QUE, MESMO COM A ESCOLA NA LISTA DAS ESCOLAS ONDE O ENEM FOI ADIADO, COMPAREÇA NO LOCAL DA PROVA, NO HORÁRIO MARCADO, E SÓ SAIA DO LOCAL SE REALMENTE NÃO FOR SER REALIZADA A PROVA NESSE FINAL DE SEMANA! SE PREFERIR, SE FOTOGRAFE NO LOCAL DE PROVA PARA PROVAR QUE FOI E QUE NÃO TINHA PROVA.

Comunicação
Ocupa Paraná